Fundação Portuguesa de Cardiologia e HARTMANN Portugal oficializam protocolo

 
 Manuel Carrageta, presidente da
 FPC, e José Manuel Toscano,
 diretor-geral da
 HARTMANN Portugal

Controlar regularmente a hipertensão arterial, o colesterol e a diabetes tipo II são atitudes que ajudam a prevenir o risco cardiovascular. Durante o 15º Simpósio anual da Fundação Portuguesa de Cardiologia (FPC) estiveram em discussão as abordagens e novidades no tratamento dessas patologias. Não admira, pois, que este evento tenha sido escolhido para a oficialização do protocolo de cooperação entre a Fundação Portuguesa de Cardiologia e a HARTMANN Portugal.

 

O acordo entre as duas entidades prevê diversas atividades conjuntas e tem por objetivo incentivar a população em geral a adotar estilos de vida adequados, assim como a monitorizar os fatores de risco que influenciam o aparecimento das doenças cardiovasculares. Dotado de tecnologia exclusiva, Tensoval duo control, o tensiómetro digital comercializado pela HARTMANN Portugal, permite aos pacientes medir com rigor a sua tensão arterial em casa. Tensoval duo control combina duas técnicas de avaliação medindo a pressão arterial, de forma fiável e precisa, mesmo em casos de tensão arterial elevada e arritmia absoluta como a fibrilhação auricular.

Através da prevenção é possível combater eficazmente as patologias do foro cardiovascular, que constituem a principal causa de morte a nível mundial. No entanto, para além do controle frequente, Manuel Carrageta, presidente da FPC, sublinha a importância dos comportamentos saudáveis como a dieta adequada e a prática regular de exercício físico na redução das doenças cardiovasculares.

O 15º Simpósio anual da FPC decorreu no Centro Ismaili, em Lisboa, no passado dia 25 de novembro.