Hipertensão e o desporto

Para os pacientes com hipertensão é muito importante praticar desporto regularmente por duas razões. A primeira é que o exercício ajuda a manter o peso baixo. O movimento previne a obesidade, uma das causas principais da hipertensão. A segunda razão é que a adaptação cardiovascular melhora com os exercícios regulares de resistência e há uma redução da tensão arterial em estados de stress e repouso. Por este motivo é importante praticar regularmente desportos de resistência moderada, que principalmente ativam o coração e o sistema circulatório. No entanto, as artes marciais e os desportos de muito esforço, podem provocar uma sobrecarga devido a picos de tensão arterial, não são adequados.

A ter em conta:

Em primeiro lugar deve realizar-se um exame médico para responder às seguintes questões: 

          

  • Quais os desportos adequados a cada pessoa? Qual a sua capacidade de esforço para o exercício? (ECG com prova de esforço)
  • Em caso de tensão arterial superior a 200/120 mmHg em estado de repouso, não se deve praticar desporto sem consultar o seu médico 
  • É a quantidade que conta. Devem realizar-se semanalmente 3 a 4 sessões com a duração de 30-60 minutos. A intensidade do treino deve ser aumentada lentamente.
  • Durante o treino deve examinar-se o pulso com um monitor de frequência cardíaca e fazer uma pausa quando for pertinente (Valor orientativo: pulso durante o treino= 180 – idade)
  • O treino deve começar com um aquecimento e ser finalizado gradualmente.

 

Mesmo os menos entusiastas pelo desporto não devem passar sem atividade física. Existem maneiras simples de se manter em movimento:     

  • Escadas em vez de elevador
  • Andar de bicicleta em vez de autocarro
  • Caminhadas regulares

 

Como regra básica podemos dizer que o desporto e a atividade física apenas são uma terapia anti-hipertensiva ocupacional quando são programados, estruturados, divididos em fases graduais e praticados regularmente. Sob essas condições, não só se reduz a tensão arterial como também se adquire uma série de efeitos positivos sobre os padrões da doença, fatores de risco e complicações. Além disso, pacientes hipertensos obtêm um melhor desempenho e uma melhor qualidade de vida.

 

Adequação dos deportos

Muito adequado Limitadamente adequado Inadequado

Marcha nórdica
Corrida
Bicicleta 
Natação    

Atletismo
Ténis 
Ping-pong
Artes marciais com baixa
intensidade de stress 
Remo 

Badminton
Squash 
Basquetebol 
Hóquei 
Artes marciais com alta
intensidade de stress